CAMINHO DOS VEADEIROS

O Caminho das Pontes é um segmento da trilha de longo curso CAMINHO DOS VEADEIROS, um caminho rural que margeia a borda leste do Vale do Rio Paranã, no Estado de Goiás. Passaremos também por algumas trilhas de longo curso do CAMINHOS DO PLANALTO CENTRAL que possuem mais de 400 quilômetros de trilhas sinalizadas dentro do Distrito Federal e passam por estradas e sendeiros supostamente criados pelos expedicionários da Missão Cruls, que em 09 de Julho de 1892 chegou pela primeira vez ao Planalto Central para realizar os primeiros estudos para a implantação da Pedra Fundamental da nova capital do Brasil. Seguiremos pedalando, partindo do coração de Brasília, passando por estradões e trilhas, cidades e lugarejos, pelas águas espetaculares que rolam do alto do chapadão, como do Salto do Itiquira, Cachoeira da Água Fria e Cachoeira do Label, a maior queda d'água da Chapada dos Veadeiros, finalizando o nosso tour nas águas límpidas das cachoeiras que brotam do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros.

Este caminho vem sendo implementado por voluntários ligados aos esportes e ao turismo de aventura, como caminhantes, cavaleiros e ciclistas, órgãos das administrações públicas federal, estadual e municipais dessas regiões, ligadas ao turismo, cultura e meio ambiente, em torno da criação deste ramal do CAMINHO DOS GOYAZES. O Caminho dos Goyazes conectará a Chapada dos Veadeiros à Cidade de Goiás, passando pelo Distrito Federal, se unindo ao Caminho de Cora Coralina, já em funcionamento, entregando mais de 1 mil quilômetros de opções de trilhas sinalizadas no coração do Brasil central. As trilhas de longo curso, além de importância econômica notável para as localidades por estão inseridas, tornam-se corredores de biodiversidade, conectando unidades de conservação, patrimônios culturais, históricos e naturais.

É nesse universo de construção e consolidação de um corredor de aventuras entre o Distrito Federal e a Chapada dos Veadeiros que iremos percorrer os 370 quilômetros deste desafio. É uma aventura para quem tem disposição de sobra, muita energia e um objetivo de vencer e superar seus próprios limites. Bem vindo ao Caminho dos Veadeiros!

A Chapada dos Veadeiros

Criado em 1961, o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros está localizado no nordeste do Estado de Goiás, entre os municípios de Alto Paraíso de Goiás, Cavalcante e Colinas do Sul. Protegendo uma área de 240.000 hectares de cerrado de altitude, possui formações vegetais únicas, centenas de nascentes e cursos d’água, rochas com mais de um bilhão de anos, além de paisagens de rara beleza, com feições que se alteram ao longo do ano. O Parque também preserva áreas de antigos garimpos, como parte da história local e foi declarado Patrimônio Natural da Humanidade pela UNESCO, em 2001.

Além da conservação, o Parque tem como objetivos a pesquisa científica, a educação ambiental e a visitação pública. A caminhada e os banhos de cachoeira são as principais atividades no Parque, nas imensas paisagens da Chapada, numa viagem pelo Cerrado brasileiro nas antigas rotas usadas por garimpeiros, hoje utilizadas pelos visitantes. FONTE: ICMBio

ORIENTAÇÕES GERAIS

a) BAGAGEM - Será permitido que cada participante leve 01 MOCHILA de médio porte durante o tour. Portanto, organize bem o seu equipamento e leve roupas adequadas, evitando peças desnecessárias que preencham o espaço da sua mala. Muita atenção na hora de escolher as suar roupas. Equipamentos fora da mochila ou em bolsas diversas pode ocasionar perdas e significar prejuízo. Lembre-se que você é responsável pelo seu equipamento.

b) BIKES - As bikes deverão estar montadas e prontas para a aventura no nosso ponto de encontro.

c) MOCHILA – Aconselhamos a todos que levem uma pequena mochila para uso durante os pedais. Essas mochilas NÃO poderão ficar nos carros de apoio e devem ser levadas consigo durante os pedais. Dentro da mochila deverão estar os objetos de utilização em um dia de pedal - abaixo.

d) OBJETOS – Objetos sugeridos: 1) lenço ou bandana 2) Filtro ou protetor solar adequado à sua pele 3) Manguitos 4) Repelente para insetos 5) Uma câmara reserva 6) Power link 7) câmeras fotográficas e celulares 8) caso o rider faça uso de suplementos, leve o seu na sua mochila 9) Dinheiro e documentos  Objetos obrigatórios: 1) Óculos de proteção 2) Luvas 3)Capacete 4)garrafas e mochilas de hidratação

e) BIKES ALUGADAS – A sua bike já estará embarcada, pronta para ser esmerilhada. Caso tenha preferência por uso de pedal de encaixe e selim próprio, traga o seu e entregue aos Guias Mecânicos durante o congresso técnico, que estarão ao encargo de fazer a substituição. Não se preocupe com os itens câmara de ar reserva e power link. Já estão contemplados no aluguel.

f) RECEPÇÃO – No dia 21 de fevereiro no Aeroporto Internacional Juscelino Kubitsheck ou no Terminal Rodoviário de Brasília.

g) RETORNO – Recomendamos marcação de passagens para retorno para o dia 27/02/2020, Quinta-Feira

A PARTIR DE
R$ 2,250.00
Carmem Lúcia Silva
Servidor Público Federal
Meu segundo carnaval com a Logística (ano passado Chapada dos Veadeiros e esse ano Norte Argentino), sempre tudo ótimo e com roteiros incríveis. Guias responsáveis e experientes, a organização e a estrutura de apoio foram nota mil!!! Com certeza farei outras cicloviagens com eles!!! Parabéns a toda equipe!!!
Camila Campos Vergueiro
Advogada
Fiz a travessia da Patagônia Bariloche-Chile, destino final Pucón. Acabei de voltar de lá e foi um espetáculo! Não só pelo visual, mas, especialmente, pelo atendimento que recebemos. O staff fez da viagem um momento inesquecível. Não houve nenhum problema, tudo foi 100% perfeito. Agora é esperar a próxima viagem. Logística Aventura: TOP TOP TOP!